Maior produtor de ovos dos EUA interrompe produção temporariamente após registro de gripe aviária

  • 03/04/2024
(Foto: Reprodução)
Caso aconteceu no Texas, em um dos aviários da Cal-Maine Foods. Doença chegou ao Brasil em maio de 2023 e, desde então, o país contabiliza 160 focos da doença em aves silvestres e de subsistência. Aviários brasileiros não foram atingidos, até o momento. Caixas de ovos da Cal-Maine Foods, Inc. aguardam para serem distribuídas pelos funcionários do Departamento de Agricultura e Comércio do Mississippi . AP Photo/Rogelio V. Solis O maior produtor de ovos dos EUA interrompeu temporariamente, na terça-feira (2), a sua produção em uma fábrica no Texas, depois que casos de gripe aviária foram registrados em galinhas. A Cal-Maine Foods, Inc., sediada em Mississippi, afirmou que aproximadamente 1,6 milhão de galinhas poedeiras (voltadas para botar ovos) e 337 mil frangas foram dizimadas, após a detecção da doença em uma instalação em Parmer, no Texas. Autoridades dos EUA disseram que o vírus também foi detectado em uma instalação avícola em Michigan. O anúncio de Cal-Maine acontece um dia depois de autoridades estaduais de saúde terem afirmado que uma pessoa foi diagnosticada com gripe aviária, após entrar em contato com vacas supostamente infectadas. O caso humano no Texas marca o primeiro caso conhecido globalmente de uma pessoa que contraiu gripe aviária de um mamífero, disseram autoridades federais de saúde. MAPA mostra a rota das aves migratórias que chegam ao Brasil Como humanos pegam? Quantas pessoas já foram infectadas? Tire dúvidas Gripe aviária no Brasil O primeiro caso de gripe aviária no Brasil aconteceu em 15 de maio de 2023 e, desde então, o país contabiliza 160 focos da doença. Esses casos, no entanto, só atingiram aves silvestres (157) – ou seja, que vivem soltas na natureza – e de subsistência (3) – que são criadas em quintais de casas, por exemplo. No Brasil não há ainda nenhum caso de gripe aviária registrado em aviários comerciais, locais onde são criados os frangos e os ovos que vão para os supermercados. Por aqui, também não há nenhum caso de gripe aviária registrada em humanos. A doença só chegou no Brasil mais de 20 anos depois de ser detectada pela primeira vez, na China, em 1996. Desde o primeiro registro da doença no país, o foco dos produtores brasileiros e dos agentes de saúde animal tem sido o de evitar que a doença chegue a grandes granjas. Pois, caso isso aconteça, as perdas podem ser numerosas, já que a gripe aviária se espalha muito rapidamente entre as aves. Atualmente, o Brasil é o principal exportador de carne de frango do mundo e o segundo maior produtor global, atrás dos EUA. Depois que a doença chegou no país, o Ministério da Agricultura declarou estado de emergência zoossanitária por 6 meses e, em novembro, prorrogou esse status por mais seis meses. Essa emergência é decretada sempre em que há risco de uma doença se propagar rapidamente entre os animais. É uma forma de o governo se antecipar a um surto da doença. Ao declarar emergência zoossanitária, os órgãos de saúde animal conseguem agilizar processos para combater a doença. Exemplos: contratar funcionário por tempo determinado, reduzir a burocracia para comprar equipamentos ou deslocar servidores de um estado para o outro. Estado do Rio está em emergência zoossanitária de gripe aviária De onde vem o que eu como: baunilha

FONTE: https://g1.globo.com/economia/agronegocios/noticia/2024/04/03/maior-produtor-de-ovos-dos-eua-interrompe-producao-temporariamente-apos-registro-de-gripe-aviaria.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Top 5

top1
1. Eu Gosto Assim

Gustavo Mioto, Mari Fernandez

top2
2. Bombomzinho

Israel & Rodolffo, Ana Castela

top3
3. Pipoco

Ana Castela

top4
4. Mal Feito

Hugo e Guilherme, Marília Mendonça

top5
5. Haja Colírio

Guilherme e Benuto

Anunciantes